ADM: Preço das ações cai com lucro abaixo do esperado na agricultura e sementes oleaginosas

ADM: Preço das ações cai com lucro abaixo do esperado na agricultura e sementes oleaginosas
Imagem: Adobe Stock

O preço das ações da gigante global do agronegócio Archer Daniels Midland (ADM) caiu 3,5%, para US$ 69,85, após o anúncio de seu lucro no terceiro trimestre, informou a Reuters.

O lucro operacional mais fraco do que o esperado na divisão Ag Services and Oilseeds e na divisão Nutrition da empresa mais do que compensou um trimestre forte na Carbohydrate Solutions, o que levou a um declínio nos lucros do trimestre, segundo o relatório de 24 de outubro.

A empresa se beneficiou da boa demanda por alimentos, rações e biocombustíveis, ao passo que as safras recordes de milho e soja no Brasil compensaram a redução da oferta da Argentina, atingida pela seca, e da Ucrânia, devastada pela guerra, escreveu a Reuters.

A nova usina de processamento de soja da ADM em Dakota do Norte, que deverá atingir sua capacidade total no início de novembro, deverá se beneficiar da forte demanda por farelo de soja nos EUA, enquanto a Argentina, principal exportadora, provavelmente ficará sem soja para esmagar no mês que vem, segundo o CEO da ADM, Juan Luciano.

“O mercado global está cada vez mais dinâmico, com fatores que criam tanto oportunidades quanto desafios”, disse Luciano, citando “tensões geopolíticas, pressões inflacionárias e o constante ajuste dos balanços de oferta e demanda de commodities”.

A perspectiva de longo prazo da empresa permaneceu positiva devido ao aumento da demanda por culturas para a produção de biocombustíveis, segundo o relatório.

“Com o forte desempenho até o momento em 2023 e uma expectativa construtiva para o restante do ano, estamos novamente aumentando nossa perspectiva de lucros para o ano inteiro”, disse Luciano.

Expansão da produção de combustíveis renováveis e desempenho financeiro da ADM em destaque

Espera-se que a capacidade de produção de diesel renovável dobre para 5 bilhões de galões/ano (18,92 bilhões de litros) até 2025. Isso impulsionará a demanda por óleo de soja, conforme Luciano observou.

A capacidade de produção de ambos os combustíveis poderia aumentar para 14 bilhões a 15 bilhões de galões/ano. Juntamente com o combustível de aviação sustentável à base de milho. Isso ocorreria até 2026/2027, de acordo com sua declaração.

A ADM anunciou um lucro ajustado de US$ 1,63 por ação para o terceiro trimestre encerrado em 30 de setembro. Isso superou a estimativa média dos analistas, que era de US$ 1,52 por ação. No entanto, o resultado ficou aquém dos US$ 1,86 por ação registrados no mesmo trimestre do ano anterior. Os dados são da LSEG.

O lucro operacional da Ag Services and Oilseeds caiu 21%, mas a divisão Carbohydrate Solutions registrou um aumento de 49% no lucro operacional.

O segmento de Nutrição da ADM enfrentou desafios no último trimestre. A demanda por alternativas à carne diminuiu, afetando os resultados. Além disso, uma instalação de processamento de soja ficou inativa após um acidente em setembro.

Fonte: Oils & Fats International

Facebook
Twitter
LinkedIn

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários. *Estamos de férias coletivas e voltaremos às atividades dia 04/01/2024. Boas festas!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.