“Brasil pode ser líder na produção de biocombustível de segunda geração”, diz CEO do Grupo BBF

“Brasil pode ser líder na produção de biocombustível de segunda geração”, diz CEO do Grupo BBF
Imagem: Pixabay

“O Brasil tem um imenso potencial em se tornar líder na produção de biocombustível de segunda geração”. É o que afirmou Milton Steagall, CEO do Grupo BBF (Brasil BioFuels), maior produtor de óleo de palma da América Latina, durante esta manhã no Seminário Agronegócio, organizado pelo LIDE e pelo jornal O Estado de São Paulo, na capital paulista.

Durante sua participação no painel “Os Grandes Desafios do Produtor Rural e do Agronegócio”, Steagall destacou o potencial brasileiro. O foco foi na produção da palma de óleo, também conhecida como dendê. A lei federal permitia o cultivo da planta apenas em áreas degradadas da região amazônica até dezembro de 2007. O Grupo BBF utilizará o óleo de palma para produzir SAF (combustível sustentável de aviação) e Diesel Verde a partir de 2026.

Atualmente, o óleo é usado pela empresa como insumo para a produção de biocombustíveis para geração de energia renovável nos sistemas isolados, que levam energia limpa para mais de 140 mil moradores de localidades remotas na Amazônia.

Potencial e desafios da palma no Brasil: Um caminho para biocombustíveis sustentáveis

Segundo Steagall, o Brasil hoje possui participação tímida no mercado da palma. É o quarto produtor mundial, atrás de Indonésia, Malásia e Tailândia. Para ele, porém, a palma tem muitas virtudes, como a característica de não poder ser mecanizada, o que gera emprego e renda para a população local. Só a BBF emprega sete mil trabalhadores diretamente e outros 21 mil indiretamente em cinco estados do Norte.

“Outro ponto importante: a palma possui uma cadeia de produção ampla. Isso inclui desde a semente até os tratos culturais, colheita e construção de indústrias. Elas se voltam para a extração do óleo, sua transformação em biocombustível e, analogamente, a produção de SAF e Diesel Verde. Vejam quanta oportunidade de emprego essa planta fornece. Só vamos conseguir acabar com o desmatamento se oferecermos oportunidade de emprego para a população da Amazônia”, disse.

O óleo de palma é uma matéria-prima fundamental para o SAF e Diesel Verde posteriormente à sua cadeia química semelhante aos combustíveis fósseis, com carbono C16 e C18.

Além disso, a palma se destaca pela eficiência na produção de óleo. Comparada à soja, produz 10 vezes mais óleo por hectare. Isso tem um impacto positivo nos fatores socioeconômicos e ambientais, tornando o óleo de palma uma escolha relevante para biocombustíveis. “O Brasil precisa encontrar soluções para seus próprios desafios e ser protagonista em sustentabilidade”, afirmou.

O painel contou com a participação de vários líderes do setor agrícola. Entre eles estava Isabel Ferreira, diretora-executiva da Rede ILPF (Integração Lavoura Pecuária Floresta) e Érico Pozzer, presidente da APA (Associação Paulista de Avicultura). Edison Ticle, CFO da Minerva Foods, e Francisco Matturro, presidente do LIDE Agronegócios, também estiveram presentes. Em suma, o painel foi mediado pela jornalista Isadora Duarte, editora do Broadcast Agro do Estadão.

SAF e Diesel Verde

Até 2026, o Grupo BBF vai iniciar o fornecimento de SAF (Combustível Sustentável de Aviação) e Diesel Verde para a Vibra Energia (antiga BR Distribuidora) – em contrato de offtaker. A matéria-prima, afinal, para os biocombustíveis avançados será o óleo de palma cultivado pelo Grupo BBF na região Amazônica. A primeira biorrefinaria do país a produzir biocombustíveis em escala industrial fará o refino na planta, por conseguinte, que deve receber um investimento de mais de R$ 2,2 bilhões. A nova planta terá a capacidade de produzir cerca de 500 milhões de litros anualmente de SAF e Diesel Verde.

Fonte: Notícias Agrícolas

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.