Chuvas afetaram a semeadura do trigo



Imagem: Pixabay


Apesar das interrupções na semeadura causadas por fortes chuvas em algumas regiões do Brasil, o progresso geral da safra de trigo de 2023 está promissor, conforme as informações recentes divulgadas pela Conab. No Rio Grande do Sul, as precipitações intensas forçaram uma pausa nas operações de semeadura. No entanto, as lavouras já semeadas exibem uma germinação robusta e um excelente estande de plantas e desenvolvimento inicial.

A situação é semelhante no Paraná, onde as chuvas temporariamente paralisaram as operações de semeadura, bem como a aplicação de defensivos e a adubação de cobertura nas lavouras. Apesar disso, os cultivos implantados estão progredindo bem, com a maioria das lavouras em desenvolvimento vegetativo e algumas já iniciando a fase de enchimento de grãos.

{module Form RD}

Em Santa Catarina, a semeadura evoluiu pouco devido às chuvas constantes. As primeiras lavouras semeadas estão em fase de perfilhamento e, na região do Planalto, poucos produtores iniciaram a semeadura. Na Bahia, as lavouras estão em fase de desenvolvimento vegetativo e apresentam boas condições. No estado de Goiás, as áreas de sequeiro estão iniciando a colheita, enquanto as lavouras irrigadas encontram-se na maioria na fase de floração. No Mato Grosso do Sul, as lavouras se beneficiam de umidade adequada no solo e de clima frio persistente. Entretanto, o clima chuvoso interrompeu os tratamentos fitossanitários, especialmente nas poucas lavouras que iniciaram a floração.

Em Minas Gerais, as lavouras estão principalmente na fase de enchimento de grãos, embora algumas já tenham começado a maturação. Em geral, apresentam boa implantação e perfilhamento satisfatório. Contudo, a região sul registra a ocorrência de lagartas e as lavouras mais avançadas no sul e no Triângulo reportam casos de brusone. Por fim, em São Paulo, a maioria das lavouras está em fase de enchimento de grãos. Portanto, apesar de algumas interrupções na semeadura, o progresso da safra de trigo 2023 se mantém positivo, com boas perspectivas para os produtores em todo o país.

Atualização do progresso da semeadura da safra de trigo mostra avanços significativos

Considerando os sete principais estados produtores de trigo, o progresso de semeadura agora atingiu 60,0% até o dia 17 de junho, um aumento significativo em relação aos 46,9% da semana anterior e ligeiramente à frente dos 55,4% do mesmo período da safra passada.

No Rio Grande do Sul, o progresso da semeadura agora igualou o ritmo da safra passada, com 35,0% da semeadura concluída até o dia 17 de junho. Este valor representa um salto significativo de 23,0% em comparação à semana anterior. No Paraná, a semeadura ultrapassou a da safra anterior, com um impressionante 82,0% concluído até o dia 17 de junho, comparado a 75,0% na semana anterior. Santa Catarina, apesar das constantes chuvas que atrasaram a semeadura, também viu um aumento modesto, de 4,6% na semana anterior para 7,0% até o dia 17 de junho.

Esses dados sugerem que, apesar dos desafios climáticos que levaram a interrupções temporárias, a semeadura do trigo em 2023 está progredindo a um ritmo saudável, trazendo otimismo para a produtividade da safra deste ano. Os produtores de trigo em todo o país estão trabalhando arduamente para garantir que essas sementes tenham todas as condições para prosperar nos próximos meses, o que se traduzirá em uma boa safra no final do ciclo.

Informações obtidas no boletim de Progresso de Safra da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Fonte: Seane Lennon | Agrolink

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.