Como o dólar influenciou o milho na B3?

Como o dólar influenciou o milho na B3?
Imagem: Pixabay

A Bolsa de mercadorias de São Paulo cedeu à pressão do dólar. Hoje, o milho sofreu uma queda, conforme divulgado pela TF Agroeconômica.”As altas na moeda americana na semana passada tiveram um tom diferente nesta semana. Isso ocorreu devido ao encerramento do ciclo de aumento dos juros nos EUA”, comentou.

A expectativa de o Federal Reserve ter encerrado o ciclo de alta de juros na sua última reunião de política monetária, em março, então contribui para as recentes quedas. A pressão também se apresentou do lado internacional, onde no dia de hoje a Bolsa de Chicago apresentou baixas de até 2,75 pontos nos principais vencimentos. Diante deste quadro, inegavelmente, as cotações futuras fecharam em baixa: o vencimento de novembro/23 foi de R$ 60,49, baixa de R$ -0,73 no dia, alta de R$ 0,72 na semana; janeiro/24 fechou a R$ 64,52, baixa de R$ -0,82 no dia, alta de R$ 0,77 na semana; o vencimento março/24 fechou a R$ 68,41, baixa de R$ -1,02 no dia e alta de R$ 1,12 na semana.

Milho fecha em baixa em Chicago devido ao avanço da colheita nos EUA

Na bolsa de Chicago o milho fechou em baixa com avanço da colheita nos EUA e fraca demanda. Por conseguinte, “A cotação para dezembro23, a principal data negociada nos EUA, fechou em baixa de -0,56 % ou $ -2,75 cents/bushel a $ 485,50. A cotação de março24, referência para a nossa safra de verão, fechou em baixa de -0,50 % ou $ -2,50 cents/bushel a $ 501,25”, indica.

Assim sendo, o avanço da colheita e a expectativa de uma safra robusta nos EUA pesaram sobre os contratos. Segundo analistas ouvidos pelo Wall Street Journal, o USDA deverá reduzir na quinta-feira sua estimativa de produção e produtividade no país. Alguns analistas, porém, acreditam que o relatório poderá trazer estimativas maiores de produção e rendimento, disse Steve Freed, da ADM Investor Services”, conclui.

Fonte: Leonardo Gottems | Agrolink

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.