Confira o que mexe no preço do milho essa semana

Imagem: Pixabay

O grande volume de importação de milho, que chega a preços menores que os locais, pressiona o mercado do milho brasileiro, aponta a TF Consultoria Agroeconômica. De acordo com os analistas de mercado, atualmente há mais fatores de baixa do que de alta.

{module Form RD}

No entanto, ressalta a TF, os rendimentos e a produção de milho nos Estados Unidos vêm apresentando projeções contraditórias: “Uma divulgada no último dia 12 de Agosto pelo USDA (Departamento de Agricultura dos EUA) causou surpresa ao mercado, afirmando que os rendimentos e a produção americana seriam menores do que o previsto”.

“A outra, divulgada nesta sexta-feira pela expedição ProFarmer, que percorreu as lavouras físicas de diversos estados produtores, afirmando justamente o contrário – que os rendimentos e a produção de milho nos EUA serão maiores do que o USDA afirma. Os levantamentos de campo do Pro Farmer Crop Tour indicaram projeções de produção bem superiores às propostas pelo último USDA (383 milhões de toneladas vs. 374 milhões de toneladas)”, apontam os analistas.

De acordo com eles, isso poderá fazer os preços futuros do milho recuarem, como aconteceu nos dois últimos pregões desta semana, em que caíram 11,25 cents/bushel em cada um deles. Segundo a TF, os preços tendem a se estabilizar ao redor de R$ 95,00 (lotes) R$ 88,00 (agricultor), o que leva à recomendação de “vender aos poucos”.

FATORES DE ALTA

  • Rendimento e produção menores do milho dos EUA (USDA);
  • Forte redução da safra brasileira;
  • Longo período de 6 meses até a colheita da próxima safra de verão.

FATORES DE BAIXA

  • Rendimento e produção maiores do milho dos EUA (ProFarmer);
  • Preços do petróleo em queda;
  • Menor consumo de etanol de milho nos EUA;
  • Milho importado chegando a preços menores e grandes volumes.

Por: Leonardo Gottems | Agrolink

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.