Soja abre a semana no positivo nos EUA

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na segunda-feira (15.04) alta de 3,50 pontos no contrato de Maio/19, fechando em US$ 8,9875 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com valorizações entre 3,50 a 3,75 pontos.
 

Os principais contratos futuros abriram a semana com ganhos no mercado norte-americano, com sinais de que os Estados Unidos cederiam para acabar com a Guerra Comercial. “Houve relatos de que os EUA poderiam flexibilizar algumas de suas exigências feitas à China a fim de chegar a um acordo com este país”, aponta o analista Luiz Fernando Pacheco, da T&F Consultoria Agroeconômica.
 
A Consultoria AgResource aponta que o mercado iniciou a semana firme, com operadores da CBOT recebendo relatos sobre supostos progressos na reconciliação comercial entre EUA e China: “Além do mais produtores aqui nos Estados Unidos ainda aguardam o início do plantio generalizado. A ARC lembra que já há regiões no Delta do Mississippi que já estão avançando nos trabalhos de campo, porém sem nenhuma significância para a safra do país”. 
 
“Em linhas gerais, a especulação não possui um posicionamento específico, seguindo a neutralidade sem a definição das questões políticas de Trump e uma safra cheia proveniente da América do Sul. Fundos de gestão ativa mantêm suas posições majoritárias no lado da venda para soja, milho e trigo. O milho volta a bater o maior nível de posições líquidas vendidas na CBOT, num total superavitário de 271 mil contratos vendidos”, concluem os analistas da AgResource.

Fonte: Agrolink | Autor: Leonardo Gottems