RS: Seminário apresenta oportunidades e tendências da hortifrutigranjeiros

Na manhã desta terça-feira, 4, o Galpão Morada Velha do Parque Municipal do Chimarrão, foi palco do II Seminário Regional de Hortifruticultura e teve como tema ´Oportunidades e Tendências para a Horticultura nos vales dos rios Taquari e Pardo`.

Entre as atrações, a palestra da professora Tatiana da Silva Duarte, que abordou o tema ´Inovações sustentáveis em olericultura: do ambiente protegido à enxertia`. Ela salientou a produção em ambiente protegido é uma técnica que os produtores estão adotando cada vez mais e que está em expansão acentuada no Rio Grande do Sul.

 
 

Flávio Cazarolli, consultor do Sebrae/RS, trabalhou o tema ´Gestão na propriedade rural` aliada à sucessão rural. Ele salientou que a sucessão rural é um tema que preocupa as famílias há vários anos e que ela tem duas linhas de trabalho. Uma delas tem a ver com a questão do direito, com herança, com patrimônio, com a divisão de bens. A outra é vista pela gestão do negócio, que está preocupada como dará continuidade às atividades da propriedade.

A produtora rural falou de sua experiência em produção orgânica de alimentos e o mercado. Para produzir, ela buscou o apoio de entidades e frisou que tem que gostar da atividade e sempre ter o foco voltado para agregar renda. 'É uma atividade onde a gente trabalha muito e precisa ter boa remuneração', destacou.

 

Fonte: Folha do Mate