EUA: exportações caem na semana



Imagem: Pixabay


Informações são do USDA.

As vendas de milho e soja dos Estados Unidos para compradores estrangeiros caíram semana a semana, enquanto as vendas de trigo melhoraram, de acordo com dados do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA). As vendas de milho nos sete dias encerrados em 5 de janeiro caíram 20%, para 255.700 toneladas métricas, e caíram 62% em relação à média anterior de quatro semanas, disse a agência em um relatório.

{module Form RD}

O México foi o grande comprador com 223,5 mil toneladas, seguido pela China com 138,6 mil toneladas e Canadá com 33,4 mil toneladas. A Nicarágua comprou 6,1 mil toneladas e Taiwan, 5,2 mil toneladas. O total teria sido maior, mas um país não identificado cancelou carregamentos de 110.600 toneladas métricas e Honduras cancelou embarques de 42.500 toneladas, disse o USDA.

As exportações de milho na semana caíram 49%, para 387.100 toneladas. As vendas de soja caíram 1%, para 717.400 toneladas métricas, marcando uma queda de 41% em relação à média anterior de quatro semanas, disse o governo.

A China levou 676.600 toneladas métricas, a Alemanha comprou 142.600 toneladas, o México comprou 100.400 toneladas, Bangladesh comprou 57.200 toneladas e a Espanha comprou 46.900 toneladas de suprimentos dos EUA. Um destino desconhecido cancelou cargas de 348.800 toneladas métricas, disse a agência.

As exportações de soja totalizaram 1,62 milhão de toneladas, um aumento de 10% em relação à semana anterior. O trigo foi a exceção, pois as vendas quase dobraram para 90.800 toneladas, mas caíram 73% em relação à média, disse o USDA.

A China comprou 66.000 toneladas, as Filipinas 23.200 toneladas, a Itália 18.900 toneladas, a África do Sul 7.700 toneladas e o Panamá 6.000 toneladas. Um país não identificado cancelou embarques de 43.000 toneladas métricas e a Tailândia cancelou cargas de 3.600 toneladas, informou a agência. As exportações de trigo para a semana aumentaram semana a semana para 193.000 toneladas métricas, disse o governo em seu relatório.

Fonte: Leonardo Gottems | Agrolink

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.