Julho encerra com preços do milho 6,51% menores

A pesquisa diária do Cepea apontou nova queda de 0,89% nos preços médios pagos na região de Campinas, principal praça de referência do país, para R$ 36,32/saca. No mês de julho, que se encerrou na última quarta-feira (31.07), os preços caíram nada menos que 6,51%, apontou a T&F Consultoria Agroeconômica.

“Vendedores continuam segurando o milho no silo para venda no spot, seja para exportação ou para o mercado interno. Com isso, têm saído apenas lotes pontuais, já que as cotações não alcançam os patamares pretendidos pelos produtores. Além disso, boa parte da safra de inverno, em plena colheita, já foi vendida antecipadamente e produtor aproveita para especular com o grão armazenado”, explica o analista da T&F, Luiz Pacheco. 

De acordo com ele, a ponta compradora, por sua vez, adquire milho apenas em caso de necessidade, em pequenas quantidades e, sobretudo, para o mercado interno, tentando evitar uma escalada de preços: “Contudo, mesmo com a cautela da agroindústria em adquirir grandes lotes os preços devem continuar a subir, em função da quebra da safra de milho nos Estados Unidos”.

Os preços oferecidos pela exportação, para vendedores distantes 600 km do porto, recuaram para R$ 31,35 (32,16 do dia anterior) para setembro; R$ 33,65 (34,46) para dezembro e R$ 34,80 (35,56) para março de 2020. Mesmo subindo o dólar não estimulou as vendas. Já os milhos importados do Paraguai chegariam ao Oeste do Paraná ao redor de R$ 32,98 (32,75 anterior); ao Oeste de Santa Catarina ao redor de R$ 36,20 (35,95) e ao Extremo Oeste de SC ao redor de R$ 35,74 (35,49)/saca.

Postagem: Marina Carvejani
Autor: Leonardo Gottems
Fonte: Agrolink

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.