La Niña chega em outubro ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Mais modelos meteorológicos apontam para a chega do fenômeno climático La Niña já no próximo mês de Outubro, indicando seca para a Região Sul do Brasil. É o que apontam mais modelos meteorológicos pesquisados pelo Bureau Australiano de Meteorologia (BOM), depois que as temperaturas da superfície do Oceano Pacífico tropical continuaram a esfriar neste mês de Setembro.

“Temperaturas mais frias dos oceanos no lado ocidental são um indicador-chave de um La Niña se desenvolvendo no Pacífico que tem o potencial de mudar os padrões de chuva em todo o mundo e impactar a produção global de alimentos”, afirma a T&F Consultoria Agroeconômica.

De acordo com o BOM, “todos os modelos climáticos internacionais pesquisados indicam que os limiares de La Nina serão cumpridos de outubro até pelo menos o final do ano, com cinco dos oito modelos mantendo esses valores até o início de 2021”.

{module 442}

De acordo com o Bureau, isso se compara à sua avaliação no início deste mês, quando disse que “três dos oito modelos pesquisados excedem o limiar de La Nina durante setembro, com mais dois modelos ultrapassando o limite em outubro”. A perspectiva do Bureau, no entanto, permaneceu em ‘Alerta’, o que significa que a semelhança de uma formação permaneceu estática em 70% – cerca de três vezes a probabilidade média – em comparação com uma avaliação anterior há quinze dias.

“A La Niña está associada a condições mais úmidas do que a média na Austrália – que pode impulsionar a cultura do trigo – assim como no norte da Índia, Indonésia, norte do Brasil como parte do sul da África. Ao mesmo tempo, condições mais secas são mais prováveis nos estados do sul dos EUA – impactando negativamente a produção de trigo lá, sul da Índia e sul do Brasil e Argentina – potencialmente dificultando a produção de soja e milho”, diz o BOM. 

O Centro de Previsão do Clima dos EUA calculou a probabilidade de as condições de La Nina continuarem durante o inverno do hemisfério norte com 75% de chance, enquanto a Agência Meteorológica do Japão calculou essa probabilidade em 70%.

Fonte: Agrolink

LEIA TAMBÉM:

{module 441}

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.