Ministra defende na OMC comércio agrícola justo, aberto e transparente

Ao participar na manhã desta segunda-feira (07) da sessão plenária do World Cotton Day, na sede da Organização Mundial do Comércio (OMC), em Genebra, a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) destacou a importância da cultura do algodão para a economia e o desenvolvimento social no Brasil. 

“O PIB da cadeia produtiva do algodão do Brasil é de cerca de US$ 74,11 bilhões, considerando as vendas de produtos de confecção. A cadeia gera emprego e renda para 1,2 milhão de trabalhadores”, disse a ministra. Na OMC, a ministra destacou a necessidade de medidas que promovam um comércio internacional “justo, aberto, transparente e previsível”, conforme pretendido pela Organização Mundial do Comércio desde sua criação.

“O bom funcionamento do comércio internacional, sem distorções, é fundamental para o desenvolvimento de setores produtivos agrícolas, como o do algodão. Por essa razão, o Brasil tem sido um membro ativo na OMC, sempre buscando fortalecer o papel conciliador da organização, pautado por isenção e equidade”, disse. 

Ela também ressaltou o comprometimento do setor produtivo brasileiro com a sustentabilidade ambiental, lembrando que o Brasil é líder mundial na certificação socioambiental de algodão, com mais de 80% da sua produção certificada. A ministra lembrou que, em 20 anos, a produção nacional de algodão cresceu 226% e, na safra 2017/18, o Brasil colheu 2,2 milhões de toneladas de pluma, 11% da produção mundial.

O Brasil é o terceiro maior exportador de algodão, com participação de 10% das exportações mundiais, totalizadas no último ano em US$ 15 bilhões. “Confirmadas as projeções de crescimento de 20,5% na próxima década, o Brasil deverá expandir sua fatia para 15% do mercado exportador”, disse a ministra. 

Evento

O World Cotton Day é resultado de um pedido do Cotton-4 (Benim, Burkina Faso, Chade e Mali), conjunto de países africanos produtores de algodão, às Nações Unidas para o estabelecimento do Dia Mundial do Algodão. O objetivo é marcar uma reflexão sobre a importância do algodão como mercadoria global. A ministra foi recebida pelo embaixador do Brasil na OMC, Alexandre Parola.

Neste fim de semana, a ministra também participou da Anuga, a maior feira mundial de alimentos e bebidas, em Colônia, na Alemanha, que contou com a participação de mais de 100 empresas brasileiras. Ela também se reuniu com a ministra Federal da Alimentação e Agricultura da Alemanha, Julia Klöeckner, para falar sobre a relação comercial entre Brasil e Alemanha e cooperação em bioeconomia. 

Fonte: Datagro

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários. *Estamos de férias coletivas e voltaremos às atividades dia 04/01/2024. Boas festas!

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.