Plantio de soja avança em ritmo mais lento, mas recupera atraso no Brasil


O plantio da nova safra de soja brasileira ficou um pouco mais lento na semana passada. Embora o clima pouco úmido tenha permitido o avanço das máquinas agrícolas, também voltou a preocupar alguns produtores, impedindo um melhor avanço. Apesar disso, os atrasos acumulados desde o início da semeadura foram recuperados e os trabalhos voltaram à média normal para esta época do ano.

Segundo levantamento da SAFRAS & Mercado, até o dia 13 de novembro, os produtores brasileiros semeavam 67,3% da área total prevista para o país. O percentual equivale a aproximadamente 25,786 milhões de hectares, de um total de 38,325 milhões de hectares estimados para o plantio no país. Na semana anterior, o índice era de 54,2%. No mesmo período do ano anterior, o percentual atingiu 65,9%, enquanto a média de cinco anos para o período é de 64,7%.

No Paraná, 87% da área destinada à soja foi semeada. O percentual equivale a cerca de 4,87 milhões de hectares plantados, de um total de 5,6 milhões de hectares estimados para o estado. Na semana anterior, o índice era de 83%. No mesmo período do ano passado, o percentual chegou a 91%, enquanto a média de cinco anos é de 86,6% no período.

{module Form RD}

Em Mato Grosso, de uma área total prevista de 10,29 milhões de hectares, 93% já foram semeados, o que equivale a aproximadamente 9,57 milhões de hectares. Na semana anterior, o índice era de 82%. No mesmo período do ano anterior, o percentual era de 97%. A média de cinco anos para o período é de 89,5%.

No Mato Grosso do Sul, de uma área total estimada em 3,25 milhões de hectares, 90% já foram semeados, o que equivale a cerca de 2,93 milhões de hectares. Na semana anterior, o índice era de 65%. No mesmo período do ano passado, o percentual era de 85%, enquanto a média de cinco anos do período é de 87,8%.

Em Goiás, de uma área total prevista de 3,795 milhões de hectares, 61% foram semeados, ou cerca de 2,32 milhões de hectares. Na semana anterior, o percentual era de 52%, enquanto no mesmo período do ano passado o percentual era de 63%. A média de cinco anos para o período é de 68,4%.

Em São Paulo, de uma área total estimada em 1,08 milhão de hectares, 30% foram semeados, ou cerca de 324 mil hectares. Na semana anterior, o índice era de 25%, enquanto no mesmo período do ano anterior o percentual era de 84%. A média de cinco anos para o período é de 70%.

Em Minas Gerais, de uma área total estimada em 1,755 milhão de hectares, 62% foram semeados, cerca de 1,09 milhão de hectares. Na semana anterior, o percentual era de 44%. No mesmo período do ano passado, o percentual era de 57%, enquanto a média de cinco anos do período é de 54,4%.

Na Bahia, de uma área total estimada em 1,67 milhão de hectares, 40% foram semeados, ou cerca de 668 mil hectares. Na semana anterior, o índice era de 20%, enquanto no mesmo período do ano passado o percentual era de 7%. A média de cinco anos para o período é de 21,8%.

Em Santa Catarina, o plantio está 50% concluído de uma área total prevista de 750 mil hectares, o que equivale a cerca de 375 mil hectares. Na semana anterior, o índice era de 35%. No mesmo período do ano anterior, o percentual era de 65%, enquanto a média do período é de 58,6%.

As previsões climáticas apontam para a volta da umidade em praticamente todas as regiões produtoras no período entre 13 e 19 de novembro. No período entre 20 e 26 de novembro, a região Sul e alguns estados das regiões Sudeste e Centro-Oeste devem receber poucas chuvas, enquanto outros estados da faixa central e das regiões Norte e Nordeste do país devem receber um bom volume de precipitação.

Por: Gabriel nascimento

Fonte: SAFRAS Latam

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.