Poder de compra de fertilizantes no Brasil piora em julho, aponta Mosaic


Imagem: Pixabay


O poder de compra de fertilizantes por agricultores do Brasil teve em julho um resultado pior do que o apurado em igual período do ano anterior, em meio a uma forte demanda, restrições de oferta no mercado internacional e recuo nos preços da soja e milho, disse a Mosaic Fertilizantes nesta terça-feira (17).

Segundo a companhia, o Índice de Poder de Compra de Fertilizantes (IPCF) atingiu 1,20 no mês passado, ante 0,90 em julho de 2020.

Ambos têm 2017 como patamar-base, o que significa que os fertilizantes se mostram mais acessíveis do que no mesmo período daquele ano quando o indicador permanece abaixo de 1,00.

O cálculo do IPCF leva em consideração a relação entre os preços de fertilizantes e as cotações de alguns dos principais produtos agrícolas brasileiros –soja, milho, açúcar, etanol e algodão.

“Em julho, houve uma maior estabilidade do câmbio e apreciação dos preços das duas principais commodities do índice – soja e milho”, disse a Mosaic em nota.

{module Form RD}

“No entanto, o mercado de fertilizantes continua firme em função de uma demanda internacional aquecida e restrições do lado da oferta acentuadas por perdas de produção na América do Norte.”

Mesmo assim, a empresa acredita que a recuperação econômica global e a firme demanda por alimentos, além dos estoques mais apertados de grãos no mundo, devem seguir dando impulso ao uso de insumos agrícolas, incluindo os fertilizantes, diante de um aumento nas áreas de plantio e no uso de tecnologias.

A companhia também indicou que, mesmo com o vaivém no mercado, a rentabilidade das lavouras no Brasil ainda incentiva investimentos por parte dos produtores.

“Apesar das oscilações, é válido destacar que a rentabilidade das principais lavouras continua positiva, estimulando o investimento em tecnologia. O Brasil deverá colher em 2021/22 mais uma safra recorde de grãos e também deverá embarcar um volume recorde de fertilizantes”, afirmou o vice-presidente Comercial da Mosaic, Eduardo Monteiro.

Por: Gabriel Araujo | Notícias Agrícolas

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.