fbpx
USD/BRL:
PT | EN | ES |      

Mesmo com colheita ainda no começo, saca de milho cai R$ 10,00 em uma semana em Goiás, diz Ifag

por Mateus Ramos

Imagem: Pixabay



O Ifag (Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás) divulgou seu Boletim Semanal de Mercado do Milho apontando que os preços do milho no estado despencaram na terceira semana de junho.  

A saca do cereal goiano encerrou a sexta-feira (18) valendo, em média, R$ 69,40 com queda de R$ 10,63 com relação à semana anterior.



“Da mesma forma que foi observado na B3, o preço do milho em Goiás registrou forte retração na semana. Além da forte influência do mercado futuro, o início da colheita, mesmo que incipiente, começa a pressionar o mercado, visto a elevação da oferta interna. Soma-se a isso a retração da parte compradora, que agora evita a realização de negócios, pressionando ainda mais os preços”, explica o Ifag.

Em Cristalina, por exemplo, a colheita ainda está muito incipiente, mas já apresenta resultados bem variados em lavouras irrigadas e de sequeiro. As primeiras, com mais investimentos, estão atingindo até 150 sacas por hectare, enquanto as tradicionais ficam ao redor de 70 sacas, conforme conta o presidente do Sindicato Rural, Alécio Maróstica.

Por: Guilherme Dorigatti Borges | Notícias Agrícolas