fbpx
USD/BRL:
PT | EN | ES |      

Aquisição de máquinas agrícolas cresce 54% de janeiro a maio

por Mateus Ramos

Imagem: Pixabay



De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), no mês de maio o setor apresentou um crescimento na receita líquida de vendas de cerca de 0,7% a mais que o mês de abril, indicando assim, uma recuperação depois dos efeitos da pandemia da Covid-19.



O resultado interanual, de maio de 2020 a maio de 2021, foi igualmente positivo e de um forte crescimento de 46,1%. Esses crescimentos se deram tanto no mercado doméstico (1,0%) quanto no mercado externo (7,3%). O mercado doméstico sofreu uma forte queda dos investimentos, devido à crise de 2016, o que explica a recente necessidade de substituição e modernização e expansão do parque industrial. Entre janeiro e maio a aquisição de máquinas nacionais cresceu 54,0%.

E esses números só tendem a crescer, já que recentemente, o Governo Federal lançou o orçamento para o Plano Safra 2021/2022, onde o valor destinado para o investimento e financiamento de máquinas e equipamentos será de R$73,4 bilhões, um aumento de 29% em comparação à safra anterior.

“O produtor que tiver interesse em comprar a sua primeira máquina agrícola, ou até mesmo, para trocar e atualizar sua antiga máquina, pode contratar o crédito rural”, comenta Romário Alves, fundador da rede Sonhagro.

Por: Eliza Maliszewski | Agrolink