UFOP saúda restrições de CO2 para veículos pesados e pede estratégia de biocombustíveis na UE

UFOP saúda restrições de CO2 para veículos pesados e pede estratégia de biocombustíveis na UE
Imagem: Pixabay

A decisão do Parlamento Europeu de restringir os limites de CO2 para veículos comerciais pesados foi recebida positivamente pela Union for the Promotion of Plants and Protein (UFOP) da Alemanha.

No entanto, a UFOP solicitou uma estratégia de biocombustíveis focada em áreas de aplicação praticamente impossíveis de eletrificar, como o transporte pesado de mercadorias, a agricultura e a silvicultura, devido à disponibilidade limitada de biocombustíveis.

Conforme indicado no relatório, o Parlamento Europeu decidiu que os fabricantes de veículos comerciais terão a obrigação de reduzir as emissões médias de CO2 dos veículos comerciais pesados em 45% até 2030, 65% até 2035 e 90% até 2040.

“A UFOP considera a decisão do Parlamento Europeu uma chance para reavaliar o uso de biocombustíveis sustentáveis certificados de biomassa cultivada. A Diretiva de Energia Renovável (RED III) e suas emendas estabeleceram uma base confiável a longo prazo, conforme comunicado em 22 de novembro pela associação.”

UFOP destaca proibição de biocombustíveis de óleo de palma após 2030

Ademais, a UFOP ressalta que a proibição, a partir de 2030, de contar óleo de palma para cotas se aplica a todos os estados. Especialmente, inclui regulamentações sobre limites de biomassa e resíduos.

“Muitos estados membros já incorporaram essa exclusão à legislação, incluindo a Alemanha, com a cota para o ano de 2023. A possível exclusão do óleo de soja do uso está sendo examinada atualmente pela Comissão da UE”, informou a associação.

A UFOP destacou o lançamento da Aliança Global de Biocombustíveis pelo primeiro-ministro indiano Narendra Modi na cúpula do G20 em setembro.

Embora a Alemanha tenha participado das negociações preparatórias, a Itália é atualmente o único membro da UE na aliança, conforme afirmado pela associação.

A UFOP solicitou com urgência a correção desse fato.

Fonte: Oils & Fats International

Facebook
Twitter
LinkedIn

Aboissa apoia

Fique por dentro das novidades
e melhores oportunidades do
agronegócio – inscreva-se já!

Ásia

Arábia Saudita

Bangladesh

China

Singapura

Coréia do Sul

Emirados Árabes Unidos

Filipinas

Índia

Indonésia

Iraque

Jordânia

Líbano

Malásia

Omã

Qatar

Turquia

Vietnã

Hong Kong

América

Argentina

Bolívia

Brasil

Canadá

Chile

Colômbia

Equador

Estados Unidos

Guatemala

Ilhas Virgens Britânicas

México

Nicarágua

Panamá

Paraguai

Perú

Uruguai

Suriname

Venezuela

República Dominicana

Costa Rica

Cuba

África

África do Sul

Argélia

Camarões

Costa do Marfim

Egito

Libéria

Marrocos

Serra Leoa

Sudão

Quênia

Tunísia

Ilhas Maurício

Europa

Albânia

Alemanha

Bélgica

Bulgária

Espanha

Finlândia

França

Inglaterra

Italia

Lituânia

Polônia

Portugal

Rússia

Turquia

Sérvia

Suécia

Suíça

Ucrânia

Chipre

Estônia

Irlanda

Romênia

Oceania

Austrália

Nova Zelândia

Solicite uma cotação!

Preencha o formulário e obtenha atendimento para suas necessidades comerciais.
Nossos especialistas estão prontos para oferecer soluções personalizadas.

*No momento não estamos trabalhando com intermediários.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.